Familiares tóxicos também devem sair da sua vida e você não deve se sentir culpado

- 20:19

A sociedade nos ensina que os laços familiares devem ser mantidos para sempre, especialmente quando se trata de mãe, pai ou irmãos. Nestes casos, é quase uma obrigação amá-los, respeitá-los e deixá-los para sempre em sua vida. No entanto, isso não tem que ser assim, uma vez que esses sentimentos são ganhos.

Deve-se notar que é importante valorizar a vida de todas as pessoas e esquecer de se tornar juízes dos outros, porque isso só nos machuca. No caso de sentir ressentimento porque uma pessoa não atendeu às nossas expectativas é algo que devemos trabalhar.

Que nada destrua seu equilíbrio mental

Mas se alguém em sua família te machuca, quebra seu equilíbrio mental e até se torna fisicamente ou emocionalmente violento, é melhor se afastar sem nenhum problema. Lembre-se de que os títulos familiares e os laços de sangue não podem apagar as feridas no coração das pessoas.

Também nem todas as famílias são o que deveriam ser, muito menos a imagem que nos vendem, há pessoas tóxicas, mesmo dentro da família, que definitivamente poderiam te machucar. Nós não viemos ao mundo para sofrer, muito menos por outras pessoas, mesmo que elas carreguem nosso sangue.

A família deve estar sempre presente para protegê-lo, mais quando se trata do pai, mãe ou irmãos, quando isso fica fora de controle, é melhor romper os laços e não se sentir culpado, todo mundo tem suas razões e é algo completamente válido.

Claro, tenha em mente que, como qualquer perda, é necessário trabalhar, lidar com a dor, não escondê-la e, acima de tudo, aprender a perdoar. Não é sua culpa que essa pessoa se comporte negativamente, por isso não se sinta culpado por tirá-la da sua vida.

Fonte consultada: i24mujer

Publicidade