Ouvem choros vindo de uma parede – Unem forças e milagrosamente resgatam vivo um bebê de 2 dias

- 14:00

Uma pequena recém-nascida foi encontrada em um cano, depois que sua mãe, uma aluna não identificada, a abandonou na faculdade. A polícia acredita que a mulher teria tentado esconder a gravidez, mas como o tubo em forma de U não tinha água e tinha apenas 20 centímetros de largura, o corpo não havia caído tão fundo, e seu choro alertou os outros estudantes.

O incidente aconteceu em Linyi, a leste da província de Shandong, na China, onde os bombeiros correram para o lugar para salvar a bebê que ainda estava viva.



"Era impossível removê-la de cima. Ela havia caído no vaso sanitário e no cano onde ficou presa entre o terceiro e o quarto andar. Pegamos uma serra elétrica para abrir o tubo no terceiro andar e, assim, empurramos para a sala onde foi entregue aos médicos e levados para a sala de emergência ", Tao Fang, representante do corpo de bombeiros, disse ao Mirror.

A polícia conseguiu encontrar a mãe que morava no mesmo prédio e que também foi levada para o hospital.



A mulher de 22 anos disse à polícia que "naquele dia ela sentiu dores de estômago. Ela foi ao banheiro. Estava perto da data do parto, então o bebê simplesmente saiu ", disse ela.

Segundo ela, sua intenção jamais foi que bebê caísse no vaso sanitário, e ela havia terminado com o namorado há seis meses.



Ela sentiu vergonha por ser uma mãe solteira e se sentia nervosa.


Ela pediu à polícia que a história não fosse divulgada porque ela não queria receber atenção. Seus pais concordaram em cuidar do bebê e identificaram quem seria o pai.

Fonte: upsocl


Publicidade