Vilarejo na Suíça oferece 72.000 dólares para famílias que queiram se mudar para lá - Curiosidades da Terra

Breaking

Home Top Ad

Publicidade

Post Top Ad

sábado, 25 de novembro de 2017

Vilarejo na Suíça oferece 72.000 dólares para famílias que queiram se mudar para lá


Uma aldeia situada nos Alpes com apenas 240 habitantes e em perigo de desaparecer.

Devido à alta taxa de emigração de seus habitantes, uma pequena cidade colorida localizada na Suíça, Albinen, oferece uma compensação financeira muito atraente para as pessoas dispostas a viver na localidade.

Se você já sonhou em viver na Europa, esta é a sua grande oportunidade!
Esta pequena cidade está localizada no cantão de Valais e tem 240 habitantes, por isso corre o risco de desaparecer em breve. Por isso, o governo oferece 25 mil francos suíços (o equivalente a 18 900 euros) por pessoa, para aqueles que estão dispostos a se mudar.

O objetivo desta iniciativa é repovoar a Comunidade, já que, nos últimos anos, mais pessoas emigraram.
O principal requisito é ter menos de 45 anos e, além de receber o valor mencionado acima, também receberia 10 mil francos (7 600 euros) extra por cada criança, então, faça as contas de quanto  receberia uma família de 3 ou 4 membros.

Entre o que esta cidade oferece são as incríveis vistas panorâmicas, uma grande tranquilidade e qualidade do ar, sem  mencionar que está perto de Leukerbard, a número um na Europa quando se trata de cuidados de saúde, beleza e complexos de banhos terminais, com apenas 6,4 quilômetros de carro. Nas proximidades, também podemos encontrar a vila de Sion e Visp.
Rodeado pelos Alpes e a 1310 metros de altitude, ao sudoeste da Suíça, este lindo lugar conta com florestas e pequenas áreas de gado e agricultura. No centro desta vila, você pode encontrar belas casas antigas, edifícios históricos que têm séculos de idade, uma loja e uma igreja. Na região, a língua oficial é o alemão.

Em geral, é no período de férias quando esta cidade tem mais habitantes, no entanto, assim que acaba, as famílias vão embora, e o lugar fica quase vazio, daí a iniciativa. Além disso, os jovens muitas vezes deixam suas casas em busca de melhores oportunidades, migrando para a cidade. Até mesmo a escola teve que fechar suas portas por não haver estudantes.

Assim é o outono na Suíça.

Condições do acordo

Como mencionado acima, é necessário ter menos de 45 anos de idade e construir ou adquirir uma propriedade com um valor de pelo menos 151 900 euros, além de que seja pra morar lá e não apenas férias. Também é necessário residir no local por pelo menos 10 anos, caso contrário o dinheiro será confiscado. Por outro lado, as autoridades locais esperam que, com o novo fluxo de novos compradores, a economia desconcertada do lugar se beneficie através de impostos para contratos de construção e compras imobiliárias. Para os estrangeiros, eles devem ter uma licença suíça C válida, que permite que um cidadão não suíço possa trabalhar e viver sem restrições.
Não sabemos por quanto tempo essa oferta está disponível pelo governo suíço ou quantas pessoas precisam a aldeia para considera-la repovoada, o que é certo é que as pessoas que conseguirem viver nela terão muitas experiências para compartilhar nesses 10 anos.

Como aplicar para obtê-lo
Você pode verificar, primeiro, o site oficial da cidade e aplicar a partir daí. Leia tudo o que ele diz, porque os suíços gostam de coisas bem feitas.
Caso você não entenda o idioma, você pode usar qualquer tradutor. Lembre-se sempre de que você deve entender tudo bem para que não haja erro.

Então, quem quiser isso deve fazer alguns sacrifícios, mas acho que este lindo lugar vale a pena, você não acha?

Você viveria a aventura de se mudar para esta cidade? Marque a pessoa que gostaria de morar aqui e compartilhe com seus amigos esta informação interessante que dá a excelente oportunidade de morar na Suíça.
Não se esqueça de continuar a apoiar a nossa página com um like e deixe-nos os seus comentários.
Fonte: O Globo

Post Bottom Ad

Páginas