Publicado em: ,

Um casal de papagaios buscando abrigo para sobreviver ao furacão Irma roubou os corações de todos

Compartilhe

O furacão Irma tem açoitado a Flórida, Estados Unidos, desde a manhã de segunda-feira. O presidente Donald Trump declarou Estado de desastre natural no estado.

Isso permite desbloquear fundos federais e outros recursos para ajudar a área afetada pelo ciclone, que tem categoria 2 e ventos de até 175 quilômetros por hora.

Entre todas as pessoas que tentam buscar refúgio, cuidar de seus bens e salvar o que podem, um casal muito especial juntou-se às centenas de pessoas que estão se protegendo do mau tempo.

São dois papagaios que fogem dos ventos de 200 quilômetros por hora que o furacão Irma chegou a ter, eles foram para a janela do 22º andar em um hotel em Miami.

Havia uma família que estava hospedada no quarto tirou uma foto do casal e a compartilhou nas redes sociais.


"Família vê um par de papagaios em busca de um refúgio do furacão Irma no 22º andar de um hotel em Miami". Foto: Laura Aguiar.

Não devemos nos esquecer de que, em todas essas desgraças, os animais também são prejudicados e geralmente esquecidos. Além disso, veio uma discussão bastante recorrente com os últimos desastres: Até que ponto é válido publicar fotografias desse tipo em redes sociais em vez de ajudar?

Em nossa página no Facebook, foram diversos comentários negativos dos usuários á respeito da fotografia, pois em vez de ajudar os animais, preferiram fotografá-los.


Outros asseguravam que, embora a família quisesse não poderia ajudar, porque naquela altura, as janelas só abrem por fora.

Ainda assim, nada está provado, pois o meio apenas descreveu os comentários em vez de colocar imagens e vincular diretamente da fonte original.

Neste caso em particular, não se sabe o que aconteceu com o casal de papagaios, é impossível saber se eles foram ajudados ou não por aqueles que os fotografaram.

Fonte: Upsocl


O furacão Irma tem açoitado a Flórida, Estados Unidos, desde a manhã de segunda-feira. O presidente Donald Trump declarou Estado de desastre natural no estado.

Isso permite desbloquear fundos federais e outros recursos para ajudar a área afetada pelo ciclone, que tem categoria 2 e ventos de até 175 quilômetros por hora.

Entre todas as pessoas que tentam buscar refúgio, cuidar de seus bens e salvar o que podem, um casal muito especial juntou-se às centenas de pessoas que estão se protegendo do mau tempo.

São dois papagaios que fogem dos ventos de 200 quilômetros por hora que o furacão Irma chegou a ter, eles foram para a janela do 22º andar em um hotel em Miami.

Havia uma família que estava hospedada no quarto tirou uma foto do casal e a compartilhou nas redes sociais.


"Família vê um par de papagaios em busca de um refúgio do furacão Irma no 22º andar de um hotel em Miami". Foto: Laura Aguiar.

Não devemos nos esquecer de que, em todas essas desgraças, os animais também são prejudicados e geralmente esquecidos. Além disso, veio uma discussão bastante recorrente com os últimos desastres: Até que ponto é válido publicar fotografias desse tipo em redes sociais em vez de ajudar?

Em nossa página no Facebook, foram diversos comentários negativos dos usuários á respeito da fotografia, pois em vez de ajudar os animais, preferiram fotografá-los.


Outros asseguravam que, embora a família quisesse não poderia ajudar, porque naquela altura, as janelas só abrem por fora.

Ainda assim, nada está provado, pois o meio apenas descreveu os comentários em vez de colocar imagens e vincular diretamente da fonte original.

Neste caso em particular, não se sabe o que aconteceu com o casal de papagaios, é impossível saber se eles foram ajudados ou não por aqueles que os fotografaram.

Fonte: Upsocl

Comente com o Facebook: