Publicado em: , , , , ,

Após terremotos, tempestades solares e furacões, qual é a quarta ameaça que se segue?

Compartilhe

Ainda não conseguimos entender que a Terra responde apenas ao nosso abuso e negligência, nossa falta de consciência e irresponsabilidade. É triste ver como as consequências de nossas ações são famílias desabrigadas, mortes danos irreparáveis, animais perdidos e cidades e países devastados pelo trágico evento. O pior é que, aparentemente, os desastres naturais continuarão em vigor e, de acordo com a previsão, serão os piores do que aqueles que já abalaram a terra.

Uma erupção solar, talvez a mais poderosa dos últimos 12 anos, seguido por outras duas, foi registrado na quarta-feira. Isso causou uma forte tempestade magnética que, de acordo com especialistas, foi 10 vezes maior do que o esperado, os cientistas disseram que estava "queimando" o campo magnético da Terra.

Um terremoto com uma magnitude de 8,2 atingiu fortemente na quinta-feira o sul do México, talvez o mais poderoso registrado no país desde 1985.

Infelizmente, foram dezenas de pessoas que perderam a vida, enquanto muitas famílias ficaram desabrigadas e se mudaram para um abrigo.

Da costa mexicana ao Equador, atravessando Guatemala, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Costa Rica, Panamá e Colômbia, foi declarado alerta de tsunami devido ao movimento telúrico.


Três furacões foram registrados esta semana: Irma, José e Katia. Neste domingo espera-se que José e Katia aumentem sua força e se unam à devastadora Irma ao território continental, isso tem sido chamado de "Ameaça tripla tropical".

Irma é o ciclone de categoria 5, o máximo e o mais perigoso. Além de deixar cerca de 600 mil pessoas sem eletricidade em Porto Rico e 50 mil sem água potável, também destruiu 90% das estruturas existentes na sua passagem por Barbuda.

No Caribe, dez vítimas fatais e danos irreparáveis às propriedades foram registrados nas Ilhas Virgens. Também devastou a República Dominicana e São Martinho.

O furacão Joseph atingiu uma velocidade de 240 km / h, o classificando assim na categoria 4, enquanto a Katia se posicionou na categoria 2.

Especialistas dizem que esses fenômenos estão encaminhando a um tsunami, oito alertas de tsunami já foram emitidos em oito países da região: México, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Honduras e Equador.

Em apenas 48 horas ocorreram: três furacões, tempestades solares, um terremoto e oito alertas de tsunami.

Temos apenas que tomar nossas precauções e começar a estar cientes de nossas ações, porque parece que a Terra se encontra bastante ressentida com a gente.

Compartilhe este artigo com seus amigos, é importante estar atento a esses fenômenos.


Fonte: actualidad.rt


Ainda não conseguimos entender que a Terra responde apenas ao nosso abuso e negligência, nossa falta de consciência e irresponsabilidade. É triste ver como as consequências de nossas ações são famílias desabrigadas, mortes danos irreparáveis, animais perdidos e cidades e países devastados pelo trágico evento. O pior é que, aparentemente, os desastres naturais continuarão em vigor e, de acordo com a previsão, serão os piores do que aqueles que já abalaram a terra.

Uma erupção solar, talvez a mais poderosa dos últimos 12 anos, seguido por outras duas, foi registrado na quarta-feira. Isso causou uma forte tempestade magnética que, de acordo com especialistas, foi 10 vezes maior do que o esperado, os cientistas disseram que estava "queimando" o campo magnético da Terra.

Um terremoto com uma magnitude de 8,2 atingiu fortemente na quinta-feira o sul do México, talvez o mais poderoso registrado no país desde 1985.

Infelizmente, foram dezenas de pessoas que perderam a vida, enquanto muitas famílias ficaram desabrigadas e se mudaram para um abrigo.

Da costa mexicana ao Equador, atravessando Guatemala, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Costa Rica, Panamá e Colômbia, foi declarado alerta de tsunami devido ao movimento telúrico.


Três furacões foram registrados esta semana: Irma, José e Katia. Neste domingo espera-se que José e Katia aumentem sua força e se unam à devastadora Irma ao território continental, isso tem sido chamado de "Ameaça tripla tropical".

Irma é o ciclone de categoria 5, o máximo e o mais perigoso. Além de deixar cerca de 600 mil pessoas sem eletricidade em Porto Rico e 50 mil sem água potável, também destruiu 90% das estruturas existentes na sua passagem por Barbuda.

No Caribe, dez vítimas fatais e danos irreparáveis às propriedades foram registrados nas Ilhas Virgens. Também devastou a República Dominicana e São Martinho.

O furacão Joseph atingiu uma velocidade de 240 km / h, o classificando assim na categoria 4, enquanto a Katia se posicionou na categoria 2.

Especialistas dizem que esses fenômenos estão encaminhando a um tsunami, oito alertas de tsunami já foram emitidos em oito países da região: México, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Honduras e Equador.

Em apenas 48 horas ocorreram: três furacões, tempestades solares, um terremoto e oito alertas de tsunami.

Temos apenas que tomar nossas precauções e começar a estar cientes de nossas ações, porque parece que a Terra se encontra bastante ressentida com a gente.

Compartilhe este artigo com seus amigos, é importante estar atento a esses fenômenos.


Fonte: actualidad.rt

Comente com o Facebook: