Publicado em:

Veja quais são os países com as maiores taxas de Homicídio no Mundo

Compartilhe
O mundo moderno é tudo, menos um lugar seguro. Este fato triste mas incontestável foi provado por várias outras listas já publicadas. Há diversas estatísticas avaliando a segurança em diferentes partes do mundo publicadas cada ano, talvez o mais alarmante e perturbador é a taxa de homicídio internacional, estatística feita por United Nations Office on Drugs and Crime.
  
As taxas são baseadas nos números de homicídios por 100,000 habitantes por ano. Se você quer saber os 10 países com a maior taxa de homicídio nos últimos anos, confira este post.  

10. Africa do Sul, 31
  

Apesar do agradável apelido "nação arco-íris", Africa do Sul, casa de 54 milhões de pessoas, tem uma alta taxa de assassinatos, assaltos, estupros e outros crimes violentos.  

Estatísticas publicadas pela polícia local sugerem que na Africa do sul, cerca de 50 pessoas são assassinadas todo dia, que é um número realmente alarmante. Felizmente, pelo menos a taxa de homicídio tem uma lenta tendência de diminuir.  

09. São Cristóvão e Nevis  


Localizado no caribe, a Ilha de São Cristóvão e Névis é o menor Estado independente nas Américas, em área e população. 

Mas até entre essas 50,000 pessoas que vivem neste tímido pais, há um significante número deles que obviamente não se importam em matar outros.  

Com uma média de 33,6 homicídios para 100.000 habitantes, a Ilha de São Cristóvão e Névis ficou em nono lugar.  

08. Suazilândia, 33.8  


Quase toda rodeada pela Africa do Sul. Suazilândia, com uma população um pouco maior que 1 milhão, é um dos menores países da Africa. Mas os números de homicídios relatados estão longe de ser pequenos na Suazilândia. 

Dizimados não apenas pela enorme criminalidade mas também pela extrema pobreza e doenças como AIDS ou tuberculose, a expectativa média de vida local é de apenas 50 anos.  

07. Lesoto, 38 


Lesoto é outro pequeno país africano situado dentro da Africa do Sul. Além de localização e tamanho, Lesoto compartilha uma coisa a mais com a Suazilândia - uma taxa de homicídios incontrolável. 

Quase metade da população do país vive abaixo da linha da pobreza que é parcialmente responsável pela enorme criminalidade e anual taxa de mortalidade.  

06. Jamaica, 39.3  


Ocupando uma área de 11.000 quilômetros quadrados (4.250 milhas quadradas), Jamaica é outro representante do Caribe.  

Por muitos anos o país tem se destacado por ter uma das maiores taxas de homicídios do mundo e as últimas estatísticas feitas pelo escritório das Nações Unidades de Drogas e Crimes confirmaram isso.  

Os assassinatos e crimes violentos são particularmente frequentes nas grandes cidades, como a capital, Kingston.

05. Guatemala, 39,9  


Com uma população de quase 16 milhões, Guatemala é o país mais populoso da América Central. Com uma média de cerca de 100 homicídios cometidos todos os meses, Guatemala está ranqueado como o país com a quinta maior taxa de homicídios no mundo.  

Nos anos 1990, por exemplo, a cidade de Escuintla teve uma taxa anual de 165 homicídios a cada 100.000 pessoas.  
  
04. El Salvador, 41,2  


Profundamente afetada pela longa e devastadora guerra civil (1979 - 1992), El Salvador é um país da América Central e um lar para aproximadamente 6,3 milhões de pessoas. 

A taxa extremamente alta de homicídios neste país é marcado pela significante ocorrência de crimes relacionado a gangues e a delinquência juvenil.  

Em 2004, por exemplo, até 60% dos assassinatos cometidos em Salvador foram realizados por gangues locais competindo por poder e território.  

03. Belize, 44,7 


Com uma área de 22.800 quilômetros quadrados (8.800 milhas quadradas) e uma população de cerca de 340.000 pessoas, Belize é o país com menor densidade populacional da América Central.
  
Mas, apesar de suas belezas naturais incríveis e vida selvagem, este país está longe de ser um bom lugar para viver. A enorme taxa de homicídios de quase 45 assassinatos por 100.000 pessoas faz de Belize um dos países mais perigosos do mundo. 

Os homicídios são particularmente frequentes no distrito da Cidade de Belize, onde, em 2007, por exemplo, ocorreu metade de todos os assassinatos do ano.  

02. Venezuela, 53,7
  

Localizada na costa noroeste da América do Sul, a Venezuela tem sido conhecida como um dos maiores exportadores de petróleo do mundo, mas também como um país com a ocorrência generalizada e anormalmente elevada de homicídios.  

No ano passado, apenas 19% dos residentes locais se sentiam seguros ao andarem sozinhos à noite e tinham uma boa razão para isso - todos os anos, mais de 50 pessoas em cada 100.000 são mortas na Venezuela e o número tem crescido constantemente nas últimas décadas. 

01. Honduras, 90,4  


De acordo com o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, Honduras, lar para cerca de 8,25 milhões de pessoas, tem de longe as maiores taxas de homicídios de todos os países no mundo.  
Sem paralelos, a taxa média de 90,4 assassinatos por 100 mil pessoas indica que neste país, quase uma em cada mil pessoas é morta.  

Desde que Honduras é um destino popular de férias, turistas frequentemente são vítimas de vários crimes violentos. 

Fonte: [ List25 ]
O mundo moderno é tudo, menos um lugar seguro. Este fato triste mas incontestável foi provado por várias outras listas já publicadas. Há diversas estatísticas avaliando a segurança em diferentes partes do mundo publicadas cada ano, talvez o mais alarmante e perturbador é a taxa de homicídio internacional, estatística feita por United Nations Office on Drugs and Crime.
  
As taxas são baseadas nos números de homicídios por 100,000 habitantes por ano. Se você quer saber os 10 países com a maior taxa de homicídio nos últimos anos, confira este post.  

10. Africa do Sul, 31
  

Apesar do agradável apelido "nação arco-íris", Africa do Sul, casa de 54 milhões de pessoas, tem uma alta taxa de assassinatos, assaltos, estupros e outros crimes violentos.  

Estatísticas publicadas pela polícia local sugerem que na Africa do sul, cerca de 50 pessoas são assassinadas todo dia, que é um número realmente alarmante. Felizmente, pelo menos a taxa de homicídio tem uma lenta tendência de diminuir.  

09. São Cristóvão e Nevis  


Localizado no caribe, a Ilha de São Cristóvão e Névis é o menor Estado independente nas Américas, em área e população. 

Mas até entre essas 50,000 pessoas que vivem neste tímido pais, há um significante número deles que obviamente não se importam em matar outros.  

Com uma média de 33,6 homicídios para 100.000 habitantes, a Ilha de São Cristóvão e Névis ficou em nono lugar.  

08. Suazilândia, 33.8  


Quase toda rodeada pela Africa do Sul. Suazilândia, com uma população um pouco maior que 1 milhão, é um dos menores países da Africa. Mas os números de homicídios relatados estão longe de ser pequenos na Suazilândia. 

Dizimados não apenas pela enorme criminalidade mas também pela extrema pobreza e doenças como AIDS ou tuberculose, a expectativa média de vida local é de apenas 50 anos.  

07. Lesoto, 38 


Lesoto é outro pequeno país africano situado dentro da Africa do Sul. Além de localização e tamanho, Lesoto compartilha uma coisa a mais com a Suazilândia - uma taxa de homicídios incontrolável. 

Quase metade da população do país vive abaixo da linha da pobreza que é parcialmente responsável pela enorme criminalidade e anual taxa de mortalidade.  

06. Jamaica, 39.3  


Ocupando uma área de 11.000 quilômetros quadrados (4.250 milhas quadradas), Jamaica é outro representante do Caribe.  

Por muitos anos o país tem se destacado por ter uma das maiores taxas de homicídios do mundo e as últimas estatísticas feitas pelo escritório das Nações Unidades de Drogas e Crimes confirmaram isso.  

Os assassinatos e crimes violentos são particularmente frequentes nas grandes cidades, como a capital, Kingston.

05. Guatemala, 39,9  


Com uma população de quase 16 milhões, Guatemala é o país mais populoso da América Central. Com uma média de cerca de 100 homicídios cometidos todos os meses, Guatemala está ranqueado como o país com a quinta maior taxa de homicídios no mundo.  

Nos anos 1990, por exemplo, a cidade de Escuintla teve uma taxa anual de 165 homicídios a cada 100.000 pessoas.  
  
04. El Salvador, 41,2  


Profundamente afetada pela longa e devastadora guerra civil (1979 - 1992), El Salvador é um país da América Central e um lar para aproximadamente 6,3 milhões de pessoas. 

A taxa extremamente alta de homicídios neste país é marcado pela significante ocorrência de crimes relacionado a gangues e a delinquência juvenil.  

Em 2004, por exemplo, até 60% dos assassinatos cometidos em Salvador foram realizados por gangues locais competindo por poder e território.  

03. Belize, 44,7 


Com uma área de 22.800 quilômetros quadrados (8.800 milhas quadradas) e uma população de cerca de 340.000 pessoas, Belize é o país com menor densidade populacional da América Central.
  
Mas, apesar de suas belezas naturais incríveis e vida selvagem, este país está longe de ser um bom lugar para viver. A enorme taxa de homicídios de quase 45 assassinatos por 100.000 pessoas faz de Belize um dos países mais perigosos do mundo. 

Os homicídios são particularmente frequentes no distrito da Cidade de Belize, onde, em 2007, por exemplo, ocorreu metade de todos os assassinatos do ano.  

02. Venezuela, 53,7
  

Localizada na costa noroeste da América do Sul, a Venezuela tem sido conhecida como um dos maiores exportadores de petróleo do mundo, mas também como um país com a ocorrência generalizada e anormalmente elevada de homicídios.  

No ano passado, apenas 19% dos residentes locais se sentiam seguros ao andarem sozinhos à noite e tinham uma boa razão para isso - todos os anos, mais de 50 pessoas em cada 100.000 são mortas na Venezuela e o número tem crescido constantemente nas últimas décadas. 

01. Honduras, 90,4  


De acordo com o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, Honduras, lar para cerca de 8,25 milhões de pessoas, tem de longe as maiores taxas de homicídios de todos os países no mundo.  
Sem paralelos, a taxa média de 90,4 assassinatos por 100 mil pessoas indica que neste país, quase uma em cada mil pessoas é morta.  

Desde que Honduras é um destino popular de férias, turistas frequentemente são vítimas de vários crimes violentos. 

Fonte: [ List25 ]

Qual é a sua opinião?